Saiba como planejar e concluir sua obra sem surpresas

Prever o que irá acontecer durante o andamento de uma construção ou reforma é algo praticamente impossível. Por mais que se queira atingir os resultados satisfatórios e com êxito é absolutamente normal se deparar com possíveis dificuldades. Nesse sentido, planejar e concluir sua obra sem surpresas é algo que muitos almejam.

Eventuais situações com a mão de obra, falta de produtos, prazos que se prolongam e outros fatores são mais comuns do que se possa imaginar e o grande X da questão é saber o que fazer para evitar ao máximo esses problemas ganhem proporções ainda maiores.

Mas como podemos e devemos nos organizar diante de situações como essas?

Antes de qualquer coisa, saiba que o primeiro passo é o planejamento! Organizar todas as ações e necessidades que serão efetivamente realizadas ajudará que você tenha maior controle e visão de todos os pontos necessários.

O Planejamento é extremamente importante para que se possa garantir uma construção muito mais rápida, controlada e até mesmo mais econômica, que não quer dizer somente com relação aos custos, mas também evitando o desperdício desenfreado de materiais.

Trata-se de uma ação básica que visa apoiar todos os setores envolvidos na sua reforma ou construção, possibilitando e garantindo maior poder de decisão, que possam ser tomadas desde o principio da obra.

Esse planejamento deve, de maneira resumida, envolver as etapas de orçamento, andamento da obra, analise de contratação de todos os fornecedores e gerenciamento das entregas e finalizações.

Esse planejamento, preferencialmente, não deve ser uma responsabilidade sua, e contratar um arquiteto é ume medida fundamental para que tudo seja controlado de maneira eficiente. Mas é importante que você ao menos tenha conhecimento de quais as etapas fundamentais para realizar a montagem do plano. Isso permitirá que você faça um acompanhamento mais de perto e evite possíveis problemas posteriormente.

 

Quais as etapas para planejar e concluir sua obra sem surpresas

Para um planejamento bem sucedido da sua obra existem algumas etapas que devem ser seguidas. São elas:

  • Análise de toda a situação
  • Perspectivas
  • Objetivos
  • Estratégia
  • Plano de ações
  • Execução
  • Programação
  • Controles financeiros e físicos.

 

Quando falamos em analisar toda a situação, estamos falando no sentido de traçar os objetivos e realizar uma verificação de todas as possibilidades para andamento do projeto.

Procurar estabelecer uma visão de futuro é fundamental para permitir uma melhor orientação acerca do caminho que poderá ser seguido. Os resultados são referentes aos objetivos e a estratégia envolve a maneira que os recursos físicos, humanos e financeiros serão utilizados.

O próximo passo é refletir em como será a execução da obra – O plano de ação. Nessa etapa deverá ser feita a previsão e a realização do orçamento. Deve ser feitas também a previsão dos materiais, mão-de-obra, locação, se preciso, de equipamentos, etc.

Por fim, é ideal realizar o controle de acompanhamento dos cronogramas e prazos, para garantir que tudo seja feito e entregue conforme o previsto, evitando possíveis aborrecimentos.

 

Conheça e entenda cada processo!

Conheça a seguir os processos de maneira mais detalhada, e entrega como proceder em cada um deles. Confira:

  • Análise para realizar a obra: Essa é uma etapa fundamental, pois é nela que os profissionais envolvidos em cada área, junto com você, avaliarão a viabilidade para execução da obra. Nesse momento, converse com o seu arquiteto e fale sobre os seus projetos para que ela possa atender o que você deseja.
  • Estabelecimento da perspectiva: Nessa etapa o arquiteto irá definir q quantidade de cômodos necessários para que o projeto fique confortável, funcional e enxuto.
  • Resultado: É onde você poderá conferir seu empreendimento no anteprojeto. Para que o resultado ideal, é preciso haver máxima empatia entre o arquiteto e você!
  • Estratégias: Refere-se e entender como utilizar os recursos financeiros, humanos e físicos, com a intenção de delimitar quais os melhores métodos para alcançar o objetivo.
  • Programação: É feito por meio de um cronograma que visará determinar como, quando e quanto será necessário para a execução das fases da construção.
  • Plano de Ação: É feito pelo engenheiro e pelo arquiteto que irão elaborar, gerenciar, determinar, especificar e pesquisar materiais e métodos para a construção do projeto. Nessa etapa também é determinada a responsabilidade técnica, prazo e método de produção.
  • Execução: É onde se inicia de fato a construção.
  • Controle: Por meio dos cronogramas você poderá acompanhar se tudo está indo de acordo com o planejamento. Se forem identificados erros, o construtor precisará corrigi-los, para que os resultados sejam eficientes conforme a meta inicial.

Para manter o orçamento sempre em dia, procure acompanhar , em parceria com seu engenheiro, todas as possíveis mudanças que possam acontecer na construção.

Dessa maneira você evitará eventuais diferenças no custo final e desperdícios de materiais e ficará muito mais fácil planejar e concluir sua obra sem surpresas!

Saiba como planejar e concluir sua obra sem surpresas
Avalie este post

Deixar uma resposta